Jovem viraliza nas redes sociais após falar sobre uso de remédio contraceptivo e ter ficado 30 dias na UTI

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quinta-feira (29). O relato da jovem Laís Amaral, 25 anos, tem viralizado na Web sobretudo por falar de uma situação comum a todas as mulheres quando o assunto é remédio contraceptivo. A jovem publicou um vídeo em que fala do uso da ‘pílula do dia seguinte’ e diz que desenvolveu trombose no pulmão por conta do uso do medicamento.

Laís, que mora em Goiás, contou que foi diagnosticada com tromboembolismo, em 2016, após ter tido 2 paradas cardiorrespiratórias e ter passado 12 dias em coma. A jovem disse ainda que mesmo antes de ter sido internada havia passado mal algumas vezes e em uma delas caiu e bateu com a cabeça.“Assim que o enfermeiro fechou a ambulância, ele ficou de costas para mim, e eu acabei tendo a minha primeira parada cardiorrespiratória, na frente da minha mãe. Ela desesperada começou a gritar pedindo ajuda, e aí eles conseguiram me reanimar”, contou a jovem.

Laís contou ainda que teve a segunda parada cardiorrespiratória na chegada ao hospital e precisou ser intubada. “Descobriram que eu estava com uma mancha no cérebro por causa da minha queda, e eu fiquei mais ou menos 12 dias em coma, acordei no dia 25 de janeiro de 2016”.

Ao acordar do coma, Laís acabou vomitando e broncoaspirou a dieta, ou seja, respirou o próprio vômito e o líquido foi parar no pulmão. Após um procedimento médico foi retirado 750 ml de líquido dos pulmões da jovem.

‘‘Eu tive pancreatite, acabei pegando uma bactéria, tive pneumonia, fiz 7 sessões de hemodiálise e tive falência múltipla dos órgãos. Fiquei 30 dias na UTI [Unidade de Terapia Intensiva] e 9 na enfermaria”, conta Laís Amaral. A situação delicada pela qual Laís passou foi devido a um tromboembolismo pulmonar, segundo diagnóstico médico recebido.De acordo com a jovem, a causa da doença que a afetou foi uso de pílula do dia seguinte e remédio anticoncepcional, segundo avaliação médica.

Disse ainda que havia tomado duas pílulas do dia seguinte e voltado a usar anticoncepcional. Laís fez uma publicação no TikTok, nesse domingo (25), em que aparece em um vídeo e lê uma frase.“Toma pílula do dia seguinte, boba, não dá em nada”. Na sequência ela posta outro vídeo em que apareceu debilitada, andando com a ajuda de médicos no hospital, e escreveu: “que mentira, que mentira”

Eu acho que eu fiz o uso bem errado do remédio, ainda mais porque a minha mãe já tinha alertado sobre os riscos da pílula do dia seguinte, e eu não deveria ter tomado. Em relação ao anticoncepcional, eu voltei a tomar achando que não teria risco algum, mas deveria ter voltado no médico para saber se poderia”, comenta Laís.

De acordo com a médica ginecologista e obstetra Júlia Farias, o uso de pílulas contraceptivas de emergência é arriscado e o ideal é que sejam evitadas, salvo em situações emergenciais e com prescrição médica.

Da redação do Acontece na Bahia

Ver completo...