Mario Frias passa por cateterismo de emergência e está em observação médica; a suspeita é de princípio de infarto

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quinta-feira (13). Mario Frias, 49 anos e Secretário Especial de Cultura do governo federal, foi internado em hospital particular de Brasília no fim da tarde dessa quarta-feira (12), onde precisou passar por um cateterismo de emergência. As informações são de que o secretário segue em observação médica e está se recuperando satisfatoriamente.

De acordo com informações, Mario Frias sofreu angina (obstrução de artéria) aguda e suspeita de princípio de infarto. Em menos de seis meses Mario Frias foi atendido por problemas cardíacos. O secretário foi internado em dezembro do ano passado após sofrer um princípio de infarto e a Secom informou na ocasião que o secretário precisou se submeter a um cateterismo e colocou dois stents-pequenos tubos de metal que se expandem para regular o fluxo sanguíneo. Mas não é só isso…

Segundo informações, Mario Frias continua internado e será submetido a novos exames para que seja nulo o risco de sequelas cardíacas. Está previsto para amanhã um novo boletim médico que mostrará as informações atualizadas do estado de saúde de Mario Frias.

Da redação do Acontece na Bahia

Ver completo...

Humorista Adnet move processo por danos morais contra Mário Frias após ser desmoralizado nas redes sociais

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta segunda-feira (10). O ator e humorista Marcelo Adnet entrou na justiça pedindo reparação por danos morais contra Mário Frias, secretário Especial da Cultura. O humorista protocolou a ação no dia 3 de maio na 5ª Vara Cível da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, e pede uma indenização no valor de R$ 80 mil.

A ação movida por Adnet foi motivada por uma postagem feita por Mário Frias em resposta a uma paródia do vídeo ‘Um Povo Heróico’ feita pelo humorista. A paródia feita por Adnet se baseou no vídeo original divulgado pelo governo federal próximo do dia 7 de setembro de 2020, marco comemorativo da Independência do Brasil. Mas não é só isso…

Na postagem feita por Mário Frias, o humorista foi duramente criticado pela paródia a qual o secretário classificou como de mau gosto.‘‘Agindo como se fosse um ser do bem, quando na verdade não passa de uma criatura imunda, cujo o adjetivo que devidamente o qualifica não é outro senão o de crápula. Um judas que não respeitou nem a própria esposa traindo a pobre coitada em público por pura vaidade e falta de caráter.’’

‘‘Um palhaço decadente que se vende por qualquer tostão, trocando uma amizade verdadeira, um amor ou sua história por um saquinho de dinheiro e uma bajulada no seu ego infantil e incapaz de encarar a vida e suas responsabilidades morais’’, comentou.

Da redação do Acontece na Bahia

Ver completo...