‘A dor é cada dia pior’, desabafa a mãe de Lázaro que não acompanhará o enterro do filho

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais nesta quarta-feira (30). Eva Maria de Souza, 51 anos e mãe de Lázaro Barbosa, afirmou ao portal Metrópoles que não tem condições psicológicas de acompanhar o enterro do filho. Eva, que mora em Barra do Mendes, cidade localizada a 540 km de Salvador, disse que está muito abalada e sem condições emocionais de viajar para acompanhar o sepultamento do filho.‘‘A dor é cada dia pior’’, desabafou.

De acordo com o Instituto Médico Legal (IML) de Goiânia, GO, o corpo de Lázaro Barbosa já está liberado, porém a retirada é feita exclusivamente por um parente de primeiro grau. Mas não é só isso…

Zilda Maria de Souza, tia de Lázaro, informou que o advogado Wesley Lacerda está cuidando dos trâmites burocráticos. O advogado disse à reportagem que tem auxiliado à família neste momento difícil por caridade.“Optaram por fazer uma cerimônia fechada e somente para familiares. A data e o local não serão divulgados”, disse o advogado.

Lázaro Barbosa morreu após entrar em confronto com as forças de segurança que estavam há 20 dias tentando capturá-lo. Foi mobilizada uma força-tarefa composta por mais de 270 homens que se revezavam naquela região fazendo bloqueios nas estradas e buscas na mata tentando localizar o fugitivo. Nessa segunda-feira (28), Lázaro foi localizado e entrou em confronto com a polícia numa região de Águas Lindas, GO. Após a troca de tiros o fugitivo foi atingido, chegou a receber atendimento, mas veio a óbito momentos depois.

Da redação do Acontece na Bahia

Ver completo...