Cid Moreira se pronuncia após acusações dos filhos e sai em defesa da mulher; ‘Quem cuida de mim é você’

Uma notícia tem estampado as manchetes de todos os jornais nesta quinta-feira (22). Após acusações feitas pelos filhos Rodrigo Radenzev, de 52 anos, e Roger Felipe, de 45, contra a sua mulher, Fátima Sampaio, o jornalista Cid Moreira publicou um vídeo no Instagram em que aparece refutando a acusação de que esteja sendo mantido em cárcere privado por sua atual esposa.

É possível ver no vídeo o casal junto à mesa onde conversam sobre as acusações feitas pelos filhos nessa quarta-feira (21)Você foi a minha escolhida, estamos juntos aqui. Quem cuida de mim é você”, diz Cid Moreira. “É mas isso não quer dizer que você não tenha sua opinião”, completa Fátima. 

“Eu não aceitaria viver com uma mulher se eu não tivesse essa autoridade. Eu sou o presidente”, diz o jornalista, que aproveita para se declarar para sua esposa. “A história dos meninos é tão longa, não se fala em capítulos. E cada um tem o seu drama, vocês têm as suas histórias aí para resolver, não é mesmo? Puxa vida, não sei mais o que dizer”, comenta Fátima.

“Não diga nada. Estamos aqui e eu estou no comando, para deixar bem claro”, declara Cid Moreira, fazendo referência às acusações de que é mantido em cárcere privado.”Continuo gravando e com a consciência tranquila”. Fátima disse na ocasião que o casal já entrou em contato com os advogados e está tomando as providências legais.

Da redação do Acontece na Bahia

Ver completo...

Mulher, marido e policial morrem em condomínio de luxo em SP, após ocorrência de cárcere privado

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais nesta terça-feira (20). Uma ação policial que aconteceu na tarde dessa segunda-feira (19) em uma casa na região da Granja Viana, no município de Cotia, na Grande São Paulo, terminou com a morte de uma mulher de 41 anos, o marido dela, de 44 anos, e um policial, vítimas de disparos de arma de fogo. Na ocorrência outro policial também foi atingido pelos disparos e está internado. A Polícia Civil informou que foi acionada para uma ocorrência de cárcere privado, mas quando a equipe chegou até o local a vítima já estava em óbito e o atirador disparou contra os agentes.

De acordo com o delegado-geral da Polícia Civil de São Paulo, Ruy Ferraz Fontes, a vítima foi identificada como Patrícia e teria sido morta por volta das 10h. Segundo a polícia, agentes do 2º Distrito Policial de Cotia foram solicitados para atenderem a uma ocorrência de suspeita de cárcere privado onde um homem estaria mantendo sua esposa refém.

“No local, o autor efetuou disparos de arma de fogo contra os agentes, que intervieram. Um policial civil foi baleado e morto e a mulher foi morta antes da chegada da polícia. A ocorrência ainda está em andamento e mais detalhes serão fornecidos após o registro do caso”, disse a nota emitida pela polícia.

Segundo o delegado, houve troca de tiros entre Ricardo e os agentes em um terreno baldio próximo a residência onde o casal morava. Na troca de tiros Ricardo matou um policial e acabou sendo morto. Na ocorrência outro policial acabou sendo atingido por seis disparos e foi socorrido. O agente passou por cirurgia e o estado de saúde dele permanece estável.

De acordo com o delegado Eduardo Brotero, Patrícia foi atingida por cinco tiros nas costas. Há também o relato de vizinhos que disseram que o casal brigava bastante e que Ricardo havia agredido fisicamente Patrícia em outras ocasiões.

Da redação do Acontece na Bahia

Ver completo...