Morre em confronto com a polícia homem que matou ex-namorada e duas filhas dela

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta sexta-feira (16). Morreu na noite dessa quinta-feira (15) em confronto com policiais, o homem de 47 anos que matou à facada na manhã do mesmo dia, a ex-namorada, de 40 anos, e duas filhas dela, de 15 e 13 anos, na cidade de Caraguatatuba, SP.

Júlio era funcionário da prefeitura de Caraguatatuba, e matou as vítimas na residência em que moravam, no bairro Martin de Sá. Após tirar a vida de Daniela Nogueira, de 40 anos, e de duas filhas dela, o homem saiu do local do crime em uma bicicleta com as vestes sujas de sangue. A outra filha de Daniela, de 9 anos, conseguiu fugir do assassino, mas se feriu ao deixar a residência e foi socorrida ao hospital Stella Maris, e não corre risco de morrer.

As Polícias Civil e Militar se mobilizaram após o triplo homicídio para as buscas ao criminoso. De acordo com informações da polícia, após ter cometido o crime o homem teria ido para uma região de mata, onde houve grande concentração de agentes e policiamento com cães. O homem teria sido localizado por volta de 22h e foi morto após resistir a voz de prisão e entrar em confronto.

Da redação do Acontece na Bahia

Ver completo...

Homem inconformado com fim do relacionamento mata a ex e duas filhas dela e deixa a terceira em estado grave

Um crime bárbaro tem gerado muita revolta nas redes sociais nesta sexta-feira (16). A tragédia que aconteceu em Caraguatatuba, litoral norte de São Paulo, nessa quinta-feira (15), envolve um homem que é acusado de matar e ex-namorada, as duas filhas dela e deixar em estado grave a caçula que tem apenas 9 anos. Vizinhos testemunharam os gritos de socorro que vinham de dentro da casa onde as vítimas moravam.

Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que o suspeito deixa o local do crime de bicicleta e com as vestes sujas de sangue. O homem matou as vítimas a golpes de faca.

Daniela, de 40 anos e as filhas, Maria Eduarda de 15 e Manuela de 13  já estavam sem vida quando o resgate chegou. A caçula, que tem nove anos, apresentava ferimentos na cabeça e está em estado grave.

Testemunhas disseram que o acusado é funcionário da prefeitura de Caraguatatuba. O homem e Daniela mantiveram um relacionamento por cerca de três anos e o acusado não estava conformado com o rompimento e por várias vezes tentou reatar com Daniela. Equipes da Polícia Civil e Militar se mobilizaram para encontrar o autor dos crimes.

Da redação do Acontece na Bahia

Ver completo...