Na madrugada desta sexta-feira (10), um ataque hacker teve como alvo o aplicativo ConecteSUS e a página do Ministério da Saúde. Após o ataque, o usuário não consegue emitir, por exemplo, o comprovante de imunização contra a Covid-19, que é disponibilizado por meio do aplicativo.

Os invasores escreveram a seguinte mensagem na página do Ministério da Saúde: “Os dados internos dos sistemas foram copiados e excluídos. 50 TB de dados estão em nossas mãos. Nos contate caso queiram o retorno dos dados.”

Com base na mensagem deixada no site durante a madrugada, o Lapsus$ Group assumiu a autoria do ataque hacker. De acordo com os próprios criminosos, a invasão foi definida como “ransomware”, quando o conteúdo é “sequestrado” e é cobrado um valor, em dinheiro ou bitcoin (moeda virtual), para a devolução do material captado.

O site do Ministério voltou a ser acessado às 7h, porém, os dados de vacinação no ConecteSUS continuam inacessíveis. Relatos confirmam que muitos usuários não estão conseguindo acessar o aplicativo.

O Ministério da Saúde ainda não se posicionou sobre o ataque, até o fechamento desta matéria. As autoridades foram alertadas e estão investigando o caso.

Da redação do Acontece na Bahia

Assuntos relacionados

Jacaré é morto a tiros por policiais após dilacerar braço de bebê e atacar tio em lago de GO

Uma notícia tem gerado bastante repercussão nas redes sociais nesta segunda-feira (3) e surgiu após a declaração feita pela Polícia Militar de Goiás que afirmou que foi preciso matar a […]

São Gabriel: Acidente envolvendo uma moto e animal na rodovia tira a vida de enfermeira e deixa outra pessoa ferida

Uma triste notícia está circulando nas redes sociais nesta segunda-feira (3). Isto porque na noite desse sábado (1º) uma mulher morreu e outra ficou ferida em um grave acidente entre […]