Uma notícia tem circulado nas redes sociais nesta quinta-feira (15). Morreu o 4º cigano acusado de envolvimento na morte dos dois policiais militares, tenente Neves e o soldado Brito, no distrito de José Gonçalves, em Vitória da Conquista. O homem que foi identificado apenas por Morais da Silva Matos, veio a óbito nessa quarta-feira (14), após ter sido atingido por disparo de arma de fogo dentro de uma farmácia.

Segundo informações do jornalismo local, o homem que é cigano, foi atingido no centro da cidade, na Avenida Crescêncio Silveira e o momento em que o crime aconteceu foi registrado por imagens de câmeras de segurança que capturaram o alvoroço no local.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) esteve lo local para fazer o atendimento ao homem atingido, mas a morte foi confirmada logo depois. O crime foi registrado na 77ª Companhia Independente de Polícia que apura a autoria e motivação.

Nessa quarta-feira (14), dois ciganos foram mortos na cidade de Itiruçu, em uma operação da Polícia Militar ao resistirem a abordagem policial e a voz de prisão. Os homens foram identificados como Arlan da Silva Matos e Dalvan da Silva Matos.

Da redação do Acontece na Bahia

Assuntos relacionados

‘Mendigato’, como ficou conhecido, viraliza na Web e família o reconhece

Uma notícia tem circulado nas redes sociais neste sábado (24). Uma família de Ponta Grossa, interior do Paraná, reencontrou um familiar, morador de rua, que viralizou na internet após ter […]

‘Eduardo Costa?’, detonam fãs o novo visual de Gusttavo Lima que se prepara para turnê

Uma notícia tem gerado muitos comentários nas redes sociais neste sábado (24).O novo visual do cantor Gusttavo Lima tem gerado mutos comentários na web. Com novo visual, o resultado apresentado […]