Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quarta-feira (14). A cantora Solange Almeida usou o seu Instagram para se manifestar sobre o caso DJ Ivis, que espancou a esposa Pamella Holanda e está sendo investigado pela polícia. Solange resolveu falar sobre o episódio após a divulgação de imagens de agressão registradas por câmeras de segurança da casa do compositor.

Solange afirmou no seu perfil que se sentiu incomodada com a quantidade de mulheres que não apoiaram a decisão de Pamella sobre divulgar as imagens na internet e afirmou que este tipo de atitude faz com que os casos de feminicídio no país cresçam a cada dia.

“Confesso que estou estarrecida com a postura de algumas mulheres. Digo isso porque eu já sofri violência doméstica, eu já apanhei muito, levei chute, tive que cantar com mãozada na cara. E eu denunciei. Você se sente um lixo, mas é preciso de nunciar. Esse papo de que em briga de marido e mulher não se mete a colher, p**** nenhuma. No primeiro sinal que você ver e ouvir, denuncie”, desabafou Solange. Mas não é só isso…

A artista mostrou solidariedade com muitas mulheres e gravou um vídeo para aquelas que estejam passando por violência doméstica. Solange confirmou o apoio e disse que elas não estão sozinhas e que são amparadas por lei.”O amor não dói, não te oprime ou te agride. Não se acostume com maus tratos, com o que é tóxico. No primeiro sinal de medo, se afaste. Ele não vai mudar. Peça ajuda se precisar, você vai conseguir. Denuncie”.

Da redação do Acontece na Bahia

Assuntos relacionados

TSE pede investigação do STF sobre fake news ditas por Bolsonaro contra urnas eletrônicas

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais nesta terça-feira (3). O plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pediu em votação unânime que o Supremo Tribunal Federal (STF), investigue o presidente […]

DPE pede R$ 200 milhões em ação envolvendo morte de tio e sobrinho em supermercado

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais nesta terça-feira (3). A ação movida contra a rede de supermercado Atakarejo pela Defensoria Pública Estadual (DPE), da Bahia, estabelece uma indenização de […]