Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta terça-feira (13). Em entrevista concedida pela ex-mulher do DJ Ivis, Pamella Hollanda, que foi divulgada nessa segunda-feira (12), foi relatado que as primeiras agressões sofridas por ela aconteceram quando ainda estava grávida de cinco meses.

A primeira vez que ele me bateu foi quando eu estava grávida de cinco meses. Ele me pegou pelo pescoço e me arrastou pelo corredor do antigo apartamento que a gente morava até me jogar no sofá”, disse Pamella ao jornalista Leo Dias.

Pamella afirmou que as agressões aconteceram porque Ivis a enxergava como um fardo. “Eu estava grávida, longe da família, em uma pandemia, então eu estava sentindo muita coisa. Se eu chegasse para falar que estava triste, ansiosa, era como se eu estivesse enchendo a paciência dele. Ele vivia sempre a ponto de explodir”, contou. Mas não é só isso…

Na entrevista Pamella ainda contou que as agressões não ficaram só na primeira vez, mas que se repetiram “muitas vezes” e conta ainda sobre o “terror psicológico muito grande” que sofria.

 

Da redação do Acontece na Bahia 

Assuntos relacionados

Deolane Bezerra divulga agenda de shows que é disputada por 56 contratantes interessados; 1ª apresentação será em novembro

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quinta-feira (21). A advogada criminalista Deolane Bezerra, viúva do cantor MC Kevin, está se lançando na carreira artística como DJ e […]

Paulo Guedes confirma auxílio de R$ 400 até final de 2022 e estuda estratégia de alterar teto de gastos

Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quinta-feira (21). Em evento promovido nessa quarta-feira (20) pela Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc), o ministro da economia Paulo Guedes, […]