Uma notícia tem sido destaque nas redes sociais nesta quinta-feira (1). Os advogados da família de Lázaro Barbosa, estiveram nesta quarta-feira (30) no IML de Goiânia para fazer a retirada do corpo do fugitivo que foi morto com pelo menos 38 tiros em confronto com a polícia. Lázaro foi localizado nessa segunda-feira (28), no município de Águas Lindas de Goiás. Segundo informações, o corpo de Lázaro estava liberado há dois dias, mas a família temia por retirá-lo, ao imaginar retaliações.

O corpo de Lázaro foi levado do IML por um carro funerário de Brasília e os advogados não informaram o local onde o corpo de Lázaro será sepultado. Mas não é só isso…

Após ter sido acusado de matar quatro pessoas da mesma família em Ceilândia, região administrativa do DF, Lázaro foi localizado e morto em confronto com a polícia. O fugitivo estava há 20 dias escapando do cerco montado para prendê-lo e foi mobilizado cerca de 270 homens que se revezavam nas ações desenvolvidas.

As investigações continuam no sentido de encontrar pessoas que tiveram interesse na fuga de Lázaro. A Polícia Civil indiciou um fazendeiro de 74 anos suspeito de ter dado apoio ao fugitivo em sua propriedade oferecendo refeições e hospedagem.

Da redação do Acontece na Bahia

Assuntos relacionados

TSE pede investigação do STF sobre fake news ditas por Bolsonaro contra urnas eletrônicas

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais nesta terça-feira (3). O plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pediu em votação unânime que o Supremo Tribunal Federal (STF), investigue o presidente […]

DPE pede R$ 200 milhões em ação envolvendo morte de tio e sobrinho em supermercado

Uma notícia tem repercutido nas redes sociais nesta terça-feira (3). A ação movida contra a rede de supermercado Atakarejo pela Defensoria Pública Estadual (DPE), da Bahia, estabelece uma indenização de […]