Uma notícia tem circulado nas redes sociais nesta quarta-feira (5) e gerado certa polêmica. O escritor Paulo Coelho, assim como milhares de outras pessoas, usou as redes sociais para prestar homenagens ao humorista Paulo Gustavo que morreu nessa terça-feira (4) por complicações decorrentes da Covid-19. Entretanto a postagem feita pelo escritor ganhou destaque ao se revoltar com os negacionistas da pandemia no post publicado em que lamenta a morte do humorista.

O escritor de milhões de livros vendidos no Brasil e no exterior se mostrou bastante indignado e falou duramente com aqueles negacionistas da Covid-19 como forma de protesto pela morte do humorista Paulo Gustavo.

Assassinos de Paulo Gustavo: quem dizia “é só uma gripezinha”, “não passa de 200 mortes”, “cloroquina resolve”, “gente morre todo dia”, “lockdown destrói o país”, “máscara nos faz respirar ar viciado”, “eu obedeço o comandante”, e por aí vai. Canalhas da pior espécie”, desabafou. Mas não é só isso…

Na fala do escritor é verificado trechos ditos pelo presidente Jair Bolsonaro. Paulo Coelho ainda respondeu o comentário feito pela jornalista e ativista LGBT+ Milly Lacombe.“Paulo Gustavo é mais uma vítima de genocídio. Um genocídio com a assinatura de Jair Bolsonaro e Paulo Guedes”, comentou.

Da redação do Acontece na Bahia

Assuntos relacionados

‘Mendigato’, como ficou conhecido, viraliza na Web e família o reconhece

Uma notícia tem circulado nas redes sociais neste sábado (24). Uma família de Ponta Grossa, interior do Paraná, reencontrou um familiar, morador de rua, que viralizou na internet após ter […]

‘Eduardo Costa?’, detonam fãs o novo visual de Gusttavo Lima que se prepara para turnê

Uma notícia tem gerado muitos comentários nas redes sociais neste sábado (24).O novo visual do cantor Gusttavo Lima tem gerado mutos comentários na web. Com novo visual, o resultado apresentado […]